Defeito e Procedimentos de Instalação (Linha Leve)

• O QUE PODE AJUDAR NA HORA DA APLICAÇÃO

Se no veículo, o  velocímetro parou de funcionar, oscila a marcha lenta ou  acende a luz de advertência da injeção, o problema pode estar no sensor de velocidade.


SENSORES DE VELOCIDADE

Antes da troca verifique alguns itens:

  1. Verifique se não há nenhum fusível queimado
  2. Verifique se não há nenhum fio desencapado ou mal isolado
  3. Certifique-se de que não há mal contato nos terminais da tomada do sensor.
  4. Verifique se a tensão nominal de trabalho está correta na ponta do chicote onde é ligado o sensor.
  5. Verifique o possível vazamento de óleo de câmbio, pelo conjunto de pinhãozinho, no caso de estar ocorrendo, providencie o reparo, pois, o óleo contamina os componentes internos do sensor, provocando o mal funcionamento ou panê.
  6. Certifique-se de que o cabo do velocímetro esteja rodando livremente, para que não ocorra o seu travamento e a consequente quebra do sensor e do pinhãozinho do câmbio. 


SENSORES DE ROTAÇÃO


Antes da troca verifique:

  1. Se não há mal contato na conexão do sensor com o chicote do veículo
  2. A integridade do chicote e do sensor
  3. A distância entre a ponta de leitura do sensor e os dentes da polia.
    Obs: nem todos os motores possuem ajuste de distância, entre o alojamento do sensor e a polia, a maioria e fixo.
  4. Sujeira, limalha ou empenamento da polia podem ser identificados como falha do sensor, pela unidade de comando.

Sensorauto Sensores Automotivos - Fone (11) 4402.7200 - vendas1@sensorauto.com.br - Desenvolvido por